Iluminação do Grande Buda de Ibiraçu chama atenção para o Maio Amarelo

Por: Rhayan Esteves, Fabricia Borges e Zu Coelho O Grande Buda do Mosteiro Zen Morro da Vargem foi iluminado em alusão ao Maio Amarelo com o objetivo de alertar os motoristas e motociclistas que trafegam  pela  BR-101  em Ibiraçu, na região norte do Estado, para o movimento internacional de conscientização com foco na redução dos […]

Por Wendon Santos Almeida

Compartilhe:
  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Pinterest
  • WhatsApp
  • Telegram

Por: Rhayan Esteves, Fabricia Borges e Zu Coelho

O Grande Buda do Mosteiro Zen Morro da Vargem foi iluminado em alusão ao Maio Amarelo com o objetivo de alertar os motoristas e motociclistas que trafegam  pela  BR-101  em Ibiraçu, na região norte do Estado, para o movimento internacional de conscientização com foco na redução dos acidentes de trânsito. A cerimônia de iluminação oficial aconteceu na terça-feira, dia 17, e marca a parceria do Mosteiro com o Governo do Estado, por meio do Departamento Estadual de Trânsito do Espírito Santo (Detran-ES).

iluminacao do grande buda de ibiracu chama atencao para o maio amarelo

O Grande Buda iluminado é um alerta para que todos que transitam pelo local participem desse movimento e contribuam para a redução de acidentes, diz Harlen da Silva

A iluminação do local, que atrai turistas por ser a maior estátua de Buda do Ocidente, com 35 metros de altura, e se destaca por sua grandeza e representatividade, é simbólica também devido à localização às margens da BR-101. O ato possibilita a sensibilização para a causa do Maio Amarelo por parte de condutores e passageiros que passam pela rodovia.

“Ter o Grande Buda iluminado de amarelo é um relevante alerta para que todos que transitam pelo local participem desse movimento e contribuam para a redução de acidentes. Principalmente ali, por estar em uma rodovia movimentada, que registra muitos acidentes e mortes. Se cada condutor que passar no local se sensibilizar e seguir sua viagem com a velocidade adequada da via, obedecendo à sinalização, temos certeza que vamos ter viagens mais tranquilas e vidas salvas, que é o objetivo principal do Maio Amarelo”, afirmou o diretor geral do Detran-ES, Harlen da Silva.

Leia também:  Mulheres fazem a diferença no turismo capixaba

O abade do Mosteiro, monge Daiju Bitti, destacou a importância das parcerias para a realização de ações voltada à população. “Juntos salvamos vidas sim! E juntos podemos fazer muitas coisas. Toda essa estrutura da praça é porque construímos parcerias entre o Mosteiro, a Prefeitura de Ibiraçu, a Diocese e o Santuário. Temos também a escola de cerâmica, voltada para pessoas de baixa renda. Tudo isso só é possível graças às parcerias”, reforçou.

O prefeito de Ibiraçu, Diego Krentz, salientou que a educação no trânsito deveria ser iniciada nas escolas, já que é importante educar os jovens desde muito cedo. “Venho acompanhando o trabalho que vem sendo realizado pelo Detran-ES. A gente fica muito feliz quando vê os concretos do órgão nesse sentido. Sabemos que trabalhar a conscientização é trabalhoso e precisa ser constante. Por isso, o DetranES vem fazendo um trabalho muito positivo com todos os municípios”, declarou.

O representante da empresa Suzano, responsável pelas Relações Corporativas, Leonardo Conde, falou sobre a satisfação da empresa em fazer parte desse marco para a campanha Maio Amarelo. “Para nós, a segurança no trânsito é um valor inegociável. Não pelo transporte da nossa matéria prima, mas sim pelos nossos colaboradores. Atualmente, a Suzano tem alguma interface em 72 dos 78 municípios capixabas. Então, nossos colaboradores se deslocam bastante pelas estradas e rodovias. Por isso, para a empresa, a segurança no trânsito é uma regra de ouro, uma matriz de consequência muito firme. Não devemos esperar que algo aconteça para que tenhamos consequência. Precisamos trabalhar um passo antes, a conscientização. Fixar no condutor que ele tem responsabilidade nas suas atitudes”, comentou.

Leia também:  Serra entra no Mapa do Turismo Brasileiro

De acordo com Leonardo Conde, esse é um dos motivos que levaram a Suzano a abraçar o Maio Amarelo e colaborar para a iluminação do Grande Buda. “Esse é um monumento que por si só já chama a atenção de quem passa na via. Certamente, na cor amarela, vai possibilitar que os motoristas que por aqui passarem possam refletir e tentar melhorar o seu comportamento no trânsito. Não basta só fiscalização e sinalização, o condutor precisa melhorar esse comportamento”, acrescentou.

Além do Mosteiro Zen Morro da Vargem, outros pontos do Estado também aderiram ao movimento Maio Amarelo. Quem chega ao município de Aracruz passa pelos portais da cidade iluminados de amarelo, tanto nas rodovias BR-101 quanto na ES-010. Em Colatina, o Cristo Redentor e a Ponte Florentino Avidos estão iluminados desde o início do mês. Os pilares da Terceira Ponte, que liga Vitória a Vila Velha, também estão com iluminação amarela.

Participaram também da cerimônia, a diretora técnica do Detran-ES, Édina de Almeida Poleto; o diretor de Habilitação, Veículos e Fiscalização, Marcus Perozini; o bispo emérito Dom Décio Sossai Zandonade; o vice-prefeito de João Neiva, Renan Pattuzzo; além de vereadores de Ibiraçu, João Neiva e Aracruz; representantes do Sebrae; e da Polícia Militar do Espírito Santo (PMES).

Programação

Durante todo o Maio Amarelo, o Detran-ES está desenvolvendo ações educativas e atividades em parceria com outros órgãos de trânsito e instituições públicas e privadas para chamar a atenção da sociedade para o alto número de acidentes e a importância da participação de todos, visando à construção de um trânsito mais gentil e seguro em todos os 78 municípios capixabas.

Maio Amarelo

O Maio Amarelo é um movimento internacional de conscientização para a redução de acidentes de trânsito. As atividades realizadas neste mês no Espírito Santo e em todo o mundo têm o objetivo principal de alertar e mostrar a dimensão e o impacto que os acidentes têm no cotidiano.

O tema deste ano, “Juntos salvamos vidas”, foi definido pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e pretende mostrar à sociedade que todos nós, independente do nosso ofício, podemos salvar vidas, conhecendo e cumprindo as regras.

Compartilhe:
  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Pinterest
  • WhatsApp
  • Telegram

Possui dúvidas sobre o site, critícas ou sugestões? Fale conosco!

Patrocinado

Pesquise em Notícias

Se você não encontrou o que busca em, tente fazer uma pesquisa abaixo.