Mutirão de vacinação no sábado em Linhares.

Linhares fará mutirão de vacinação contra sarampo, gripe e covid-19 neste sábado dia 28. A vacinação será em 4 unidades: Planalto, Bebedouro, Centro e Colina, das 8 ás 12 horas. Mutirão de vacinação contra o sarampo, gripe e Covid em Linhares   Para ampliar a cobertura vacinal contra o sarampo, a gripe e a Covid-19 […]

Por Adwalter Brunow

Compartilhe:
  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Pinterest
  • WhatsApp
  • Telegram

mutirao de vacinacao no sabado em linhares

Linhares fará mutirão de vacinação contra sarampo, gripe e covid-19 neste sábado dia 28.

A vacinação será em 4 unidades: Planalto, Bebedouro, Centro e Colina, das 8 ás 12 horas.

Mutirão de vacinação contra o sarampo, gripe e Covid em Linhares

 

Para ampliar a cobertura vacinal contra o sarampo, a gripe e a Covid-19 em Linhares, a Prefeitura, por meio da secretaria municipal de Saúde, realiza um mutirão de vacinação no sábado, dia 28, das 8h às 12h. Estarão abertas quatro Unidades Básicas de Saúde (UBSs) para aplicação das doses.

O atendimento será por livre demanda, ou seja, não será preciso marcar horário com antecedência e estará disponível nas unidades de saúde do Planalto, Bebedouro, Centro; na Rua da Conceição, próximo à Praça 22 de Agosto e Unidade Sanitária, no bairro Colina.

No dia do mutirão, basta ter em mãos um documento pessoal de identificação; RG ou, em caso de crianças, certidão de nascimento e, se possível, a caderneta de vacinação. O atendimento nesses locais será por ordem de chegada; e a dose contra o sarampo pode ser aplicada no mesmo dia que a vacina contra gripe, sem necessidade de intervalos.

Leia também:  Governo do Estado divulga 98º Mapa de Risco Covid-19

Segundo a diretora de Vigilância Epidemiológica, da secretaria municipal de Saúde, Jacklene Ramos, a finalidade da vacinação contra a influenza é prevenir o surgimento de complicações e óbitos, minimizar a carga viral da doença, além de reduzir a sobrecarga sobre os serviços de saúde.

“Já o intuito da vacinação contra o sarampo é interromper a circulação ativa do vírus do sarampo no país, minimizando a carga da doença, protegendo a população, além de reduzir a sobrecarga dos serviços de saúde em decorrência de mais esse agravo. Esta situação evidencia a necessidade de esforços para a interrupção da circulação viral e, assim, ser possível pleitear a recertificação como país livre do sarampo”, enfatizou.

A vacinação contra o sarampo está sendo feita em todos os profissionais e trabalhadores de saúde. A dose será disponibilizada também a todas as crianças de seis meses a menores de cinco anos, inclusive nas que estão com o calendário vacinal em dia. A vacina utilizada é a tríplice viral, que protege contra o sarampo, rubéola e caxumba.

E a campanha contra a gripe irá lançar a segunda etapa, ampliando os grupos prioritários, no sábado dia 28. Além de idosos e trabalhadores e profissionais de saúde, que já estão sendo imunizados, as doses passarão a ser aplicadas também em: crianças de seis meses a menores de cinco anos; gestantes e puérperas; professores; pessoas com doenças crônicas e comorbidades; pessoas com deficiência permanente; profissionais das forças de segurança e salvamento; caminhoneiros; trabalhadores do transporte coletivo, rodoviário e de passageiros.

Leia também:  Candidatos e suas narrativas na estadualização do HGL.

Nesta segunda etapa, a imunização contra a gripe também será estendida aos integrantes das Forças Armadas, funcionários do sistema prisional, pessoas em privação de liberdade, adolescentes e jovens em cumprimento de medida socioeducativa.

Este imunizante contra influenza é a vacina trivalente, ou seja, ele protege contra os subtipos da Influenza A; H1N1 e H3N2, e um subtipo da Influenza B.

Já a vacina contra a Covid-19 estará disponível para toda população vacinável acima dos cinco anos, além da atualização da caderneta vacinal para a segunda (D2) e terceira doses (D3).

Crianças

O público infantil, composto pelas crianças com idade entre seis meses e menores de cinco anos de idade, deve tomar uma dose dos dois imunizantes. Não há necessidade de cumprir intervalo para a aplicação das vacinas contra o Sarampo e Influenza. Dessa forma, as duas vacinas poderão ser administradas no mesmo dia.

No caso das crianças de seis meses a menores de cinco anos que já receberam ao menos uma dose da vacina Influenza ao longo da vida em anos anteriores, deve se considerar o esquema vacinal com apenas uma dose em 2022.

Leia também:  Serra abre 5.135 novas vagas de vacina contra a COVID-19

Já para as crianças que serão vacinadas pela primeira vez, a orientação é agendar a segunda dose da vacina contra gripe para 30 dias após a primeira dose.

De acordo com a Secretaria de Saúde, o objetivo da campanha é prevenir o surgimento de complicações decorrentes das doenças, evitando novos óbitos e possível pressão sobre o sistema de saúde. Por isso, é importante que as pessoas estejam sempre com a vacinação em dia.

De segunda a sexta-feira, a Prefeitura de Linhares dispõe de 32 salas de vacinação nas Unidades de Saúde de todo o município. A imunização acontece de 7h às 16 horas. Para quem não tem tempo durante o dia, as unidades do Planalto, Bebedouro e Caic (Interlagos), atendem a noite até às 20h na segunda, terça e quarta-feira.

Compartilhe:
  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Pinterest
  • WhatsApp
  • Telegram

Possui dúvidas sobre o site, critícas ou sugestões? Fale conosco!

Patrocinado

Pesquise em Notícias

Se você não encontrou o que busca em, tente fazer uma pesquisa abaixo.