Operação de Trânsito resulta em 43 autos de infração e 18 remoções em Vitória

As principais infrações foram condução de veículo sem a carteira de motorista (CNH), descarga do veículo livre, licenciamento atrasado e alcoolemia

Por Redação Jornal da Serra

Compartilhe:
  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Pinterest
  • WhatsApp
  • Telegram

O Grupo Tático Operacional (GTO), da Coordenadoria de Operações Especiais de Trânsito (COET) da Guarda Civil Municipal de Vitória (GCMV), realizou ações preventivas nesta sexta-feira (11) e sábado (12). Ao todo, foram 235 abordagens, com 43 autos de infração emitidos, 18 remoções e a condução de um motorista para a Delegacia Regional de Vitória.

“O nosso objetivo é coibir as infrações de trânsito e, principalmente, reduzir os números de vítimas fatais na capital, pois muitos condutores foram abordados conduzindo o veículo embriagados. Foram ações que ocorreram dentro dos bairros e foram simultâneas”, destacou o gerente de Operações e Fiscalização no Trânsito, Brunno Xavier.

Operação de Trânsito resulta em 43 autos de infração e 18 remoções em Vitória

Foto Divulgação

As principais infrações foram condução de veículo sem a carteira de motorista (CNH), descarga do veículo livre, licenciamento atrasado e alcoolemia.

Na sexta-feira, foram abordadas 162 motocicletas nas operações. Os agentes abordaram muitos condutores não habilitados e conduzindo a motocicleta com a descarga livre, o que é proibido pelo Código de Trânsito Brasileiro.

“Salvar vidas é sempre nosso principal objetivo, além de conscientizar a população. No trânsito, todos possuem responsabilidades, o condutor deve respeitar as regras, conduzir com consciência e prudência. As nossas operações são constantes, pois a segurança viária é uma das prioridades da gestão do prefeito Lorenzo Pazolini”, afirmou Xavier.

Leia também:  MPES participa de incineração de drogas apreendidas na Operação Solis

Grupo Tático Operacional

Criado em dezembro de 2021, com um mês de atuação, o Grupo Tático Operacional (GTO) abordou quase 800 veículos em 18 ações de fiscalização realizadas com apoio dos agentes de Proteção Comunitária, do Grupo de Apoio Operacional (GAOp), e da Ronda Ostensiva Municipal, ambos da Guarda Civil Municipal de Vitória (GCMV).

A COET é uma criação inédita a nível de guardas municipais no Brasil. Somente a Polícia Rodoviária Federal (PRF) tem um trabalho com as características dessa equipe de Vitória.

Em 2021, houve redução de 13% do número de mortes em acidentes de trânsito em Vitória. Esse número é resultado de ações que propomos desde que assumimos a gestão, em janeiro de 2021, quando Vitória estava entre as 10 primeiras cidades do Estado, em mortes no trânsito.

Nos primeiros 30 dias de atuação do GTO, foram 763 veículos abordados, sendo 406 carros, 351 motocicletas e 6 caminhões. Ao todo, 203 autos de infração foram lavrados, 56 veículos guinchados, sendo 35 carros e 21 motocicletas. Cinco pessoas foram conduzidas à Delegacia Regional de Vitória, sendo dois condutores de carros e dois condutores de motocicletas, por adulteração veicular, e uma pessoa por portar material ilícito em um carro, sendo dois tabletes de substância similar a maconha, pesando 1kg.

Leia também:  Homem com mandado por homicídio é preso pela Guarda de Vitória

Por Brunella França, com edição de Matheus Thebaldi
Foto: Divulgação

Compartilhe:
  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Pinterest
  • WhatsApp
  • Telegram

Possui dúvidas sobre o site, critícas ou sugestões? Fale conosco!

Patrocinado

Pesquise em Notícias

Se você não encontrou o que busca em, tente fazer uma pesquisa abaixo.